Ouça Na radiosnet

quinta-feira, 22 de agosto de 2019


Foto: divulgação Flamengo
No momento do gol, o sistema defensivo do Inter caiu em ruínas aos pés de Bruno Henrique. Não acharam mais o rapaz!

Resultado justo para um Flamengo que se propôs a jogar e atacar enquanto o Inter estabeleceu um plano muito limitado de apenas se defender. Times que optam sempre pela retranca fora correm o risco deste tipo de castigo. Agora Inter terá de buscar uma desvantagem grande.
Foto: Divulgação do Flamengo
A retranca do Inter foi severamente punida. Não quis jogar por 80min, não levou Diego Alves a fazer nenhuma defesa. Só que esse tipo de jogo funciona apenas sem nenhuma falha e deu dois espaços a um jogador em fase iluminada.

Inter esteve fechado o tempo inteiro. Avançou para aproveitar uma bola área e deu o contra-ataque para Bruno Henrique e aí, quando ele tem campo, ninguém sabe onde vai parar. Filipe Luís foi bem no início da jogada do gol.

Única chance real do Inter surgiu na falha de Pablo Marí. Nico entrou cortando a zaga, mas chutou para fora. Inter pressionou a defesa do Flamengo e mostrou que poderia criar mais se fosse mais ambicioso.

Para um jogador que tinha dificuldades para fazer o jogo físico, impressiona como Rodrigo Caio anulou o pivô de Guerrero que tem sua força na imposição de força e técnica. Foi mais veloz, se antecipou em quase todas e também ganhou no físico quando precisou.

Leiam também:
Resenha Online - Raio-X do Flamengo em Libertadores

A entrada do Gerson no intervalo acertou o Flamengo: devolveu o balanço, trouxe Bruno Henrique para o meio da área, Everton Ribeiro passou a jogar na diagonal, pela esquerda, e abriu espaços até para Filipe Luís aparecer na construção. Dois gols em dois minutos resolveram o jogo.

Partidaça de Gerson. Entrou inicialmente pela esquerda onde não rende tão bem. Quando foi para direita, começou a abrir todos os espaços na defesa do Inter.

0 komentar:

Postar um comentário

Assine nosso canal - Youtube

#VemComNós

Os maiores campeonatos do planeta você ouve aqui!

Parceiros

Resenha Esportiva