Ouça Na radiosnet

domingo, 1 de setembro de 2019

Flamengo bateu o Palmeiras, por 3 a 0, e reassumiu a liderança do Brasileirão, com 36 pontos. Os gols foram marcados por Gabigol, duas vezes, e Arrascaeta. O próximo duelo é com o Avaí, em Brasília, pela penúltima rodada do primeiro turno.
Foto: Twitter do Flamengo
Essa vitória de 3 a 0 sobre o Palmeiras foi a sexta do Flamengo no Brasileiro em oito jogos do time sob o comando de Jorge Jesus - todas elas com um mínimo de três gols prós. O time, neste corte, tem média de 2,85 gols por jogo, uma força que hoje esganou o time de Felipão.

Mais uma grande atuação de Gerson com a camisa do Flamengo. Quase 93% de aproveitamento nos passes e intensidade na marcação. Toma conta do meio-campo e forma dupla dinâmica com Arão. Está jogando demais. Lucidez e técnica. Chegou para ser a cereja do bolo da filosofia do Jesus.

O Derrotado!

Atuação assustadora do Palmeiras contra o Flamengo. Se não tô ficando louco, o Flamengo não ganhava do Palmeiras desde 2014.

Felipão perdeu o grupo. Suas escolhas completamente sem méritos: Luis Adriano chegou já sendo titular, Scarpa joga bem depois vai pro banco... São  muitos erros. Com o treinador no time não tem condicões de brigar pelo título.

O Curioso

Maiores médias de público do Flamengo no Brasileirão (1971-2019):
66.507 (1980)
62.436 (1982)
59.332 (1983)
[52.594] (2019)
51.224 (2018)
47.610 (1987)
43.614 (1981)
42.922 (1992)
41.925 (1979)
41.553 (2009)
41.102 (1977)
40.694 (2008)

Média de público do Flamengo no Brasileirão na era dos pontos corridos:
52.594 (19)
51.224 (18)
14.491 (17)
24.648 (16)
31.257 (15)
26.898 (14)
23.369 (13)
13.090 (12)
19.381 (11)
17.175 (10)
41.553 (09)
40.694 (08)
39.221 (07)
14.921 (06)
11.799 (05)
9.933 (04)
11.020 (03)

Flamengo como mandante no Brasileirão 2019:
✅3 x 1 Cruzeiro
✅2 x 1 Chapecoense
✅3 x 2 Athletico-PR
✅2 x 0 Fortaleza
✅6 x 1 Goiás
✅3 x 2 Botafogo
✅3 x 1 Grêmio
✅3 x 0 Palmeiras

8 jogos
8 vitórias
25 gols feitos (3,13 por jogo)
8 gols sofridos

Técnicos estrangeiros que já lideraram o Brasileirão na era dos pontos corridos (2003-2019):
8 rodadas - Diego Aguirre (URU)
4 rodadas - Jorge Sampaoli (ARG)
[2] rodadas - Jorge Jesus (POR)
1 rodada - Juan Carlos Osorio (COL)

0 komentar:

Postar um comentário

Assine nosso canal - Youtube

#VemComNós

Os maiores campeonatos do planeta você ouve aqui!

Parceiros

Resenha Esportiva