Ouça Na radiosnet

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Apesar do grande número de jogadores na defesa do Galo, Flamengo não apelou ao chuveirinho e trabalhou as bolas com viradas antes de executar o passe final. Para isso, time se deslocou bastante e trocou de posições. Criou menos do que em outros jogos para passar pelo ferrolho do Galo Mineiro.
Foto: Marcelo Cortes/CRF

1 x 0 Mengão...

Em um belíssimo escanteio cobrado por Vitinho no primeiro pau, para o gol de cabeça de W. Arão. Forte, fechado na primeira trave, preciso, um passe.

Primeiro tempo foi de total domínio e imposição de jogo do Flamengo. Idéia do Galo de se defender com nove transformou o jogo em ataque contra defesa.

1 x 1 Um empate passageiro

No segundo tempo, o Galo trocou Ricardo Oliveira por Marquinhos e voltou com uma postura mais ofensiva. Ao sair para o jogo, conseguiu ótima troca de passes no ataque e Nathan faz um belo gol driblando Diego Alves. O jogo havia ficado mais aberto.

2 x 1 vai para galera...

Uma parte da torcida do Flamengo estava vaiando Vitinho na jogada anterior de forma incompreensível. No lance seguinte, ele driblou seu rival e chutou no canto para desempatar. A torcida gritou seu nome!

3 x 1 e fechou o caixão

Após sofrer o gol, Flamengo retomou o controle do jogo e estava enfrentando uma defesa bem mais aberta do Galo. Zagueiros atleticanos deram bobeira na bola picotando na área e Bruno Henrique conseguiu o passe para o gol de Reinier.

Obrigado Jesus!

Não sei se vai ser campeão ou não. Mas o Flamengo é o time mais legal de se assistir em muito tempo no futebol brasileiro. Sem medo, vertical, com movimentos coordenados, jogadas bonitas. Jesus nos presenteou com algo que tínhamos perdido.

É preciso ver o time de Jesus no estádio para entender seu efeito no Flamengo. Não há movimentos e posicionamentos aleatóricos, as jogadas são articuladas como se ensaiadas fossem, todos sabem o que fazer em campo.

0 komentar:

Postar um comentário

Assine nosso canal - Youtube

#VemComNós

Os maiores campeonatos do planeta você ouve aqui!

Parceiros

Resenha Esportiva