Ouça Na radiosnet

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Arco recurvo masculino e misto têm grande dia em Maricá e se garantem nas finais da Brazil Cup e do Sul-Americano de tiro com arco.


O tiro com arco brasileiro teve um dia cheio na cidade de Maricá, Rio de Janeiro. Nesta quinta-feira, com duas competições simultâneas, a Brazil Cup e o Sul-Americano, os arqueiros brasileiros disputaram seis categorias diferentes e só ficaram de fora da final em duas delas.

Pela Brazil Cup foram realizadas três semifinais por equipes. No arco recurvo masculino, Marcus D’Almeida, Marcelo Costa e Bernardo Oliveira passaram pela Colômbia, por 6 a 0, e vão enfrentar o trio chileno na final. Equador e Colômbia disputam o bronze.
No arco recurvo misto, Marcus D’Almeida e Ane Marcelle dos Santos fizeram 6 a 2 nos peruanos Pamela Cuadros e Santiago Odar e vão pegar a dupla colombiana Paz Ariel Isidre e Hugo Díaz. O Peru disputa o bronze contra a Argentina.
Ainda pela Brazil Cup, mas no arco composto misto, Larissa Oliveira e Rafael Kawakani foram superados na semifinal pelos chilenos Celis Camila e Alejandro Arriagada e vão disputar o bronze contra a Colômbia, que foi superada pela Argentina na outra semi.
Já pelo Sul-Americano de tiro com arco, mais três semifinais realizadas e duas vencidas. Novamente, o trio do arco recurvo, Marcus D’Almeida, Marcelo Costa e Bernardo Oliveira, voltou a vencer a Colômbia e disputará o ouro contra o Equador. Colômbia pega o Chile pelo bronze.
E assim como na Brazil Cup, Marcus D’Almeida e Ane Marcelle dos Santos, do arco recurvo misto, também vencerem o Peru e foram para a final contra a Colômbia, A Argentina encara o Peru no bronze.
E no arco composto misto, Larissa Oliveira e Rafael Kawakani voltaram a ser superados pelos chilenos Celis Camila e Alejandro Arriagada e vão disputar o bronze contra a Argentina.
Fonte : Olimpiada todo dia 

0 komentar:

Postar um comentário

Assine nosso canal - Youtube

#VemComNós

Os maiores campeonatos do planeta você ouve aqui!

Parceiros

Resenha Esportiva