Ouça Na radiosnet

sábado, 12 de setembro de 2020

Botafogo confirmou que o atacante Salomon Kalou jogará o clássico com o Vasco. Jogador saiu da formatura e viaja de volta ao Brasil. Kalou chega na manhã deste domingo e deve se apresentar por volta de 12h na concentração. 

Informação de última hora do jornalista Thiago Veras. Porém, como um jogador que viajou para outro país, passou por aeroportos, esteve em uma formatura com outras pessoas, vai poder jogar uma partida chegando ao Brasil no dia dela? E o protocolo? Não tem o mínimo sentido!

O protocolo da CBF é claro e diz que os atletas precisam fazer a testagem 72 horas antes da partida, relacionados ou não para o jogo. Ou seja, para jogar, Kalou teria que ter passado pelo teste na última sexta-feira (11).

Além disso, o Botafogo precisa enviar os resultados dos testes do elenco inteiro para a CBF 24 horas antes da partida, ou seja, até às 20h30 deste sábado (12). Segundo o protocolo, o exame de Kalou tem que estar nos realizados na última sexta-feira.

Dentro da nota, a CBF diz que "os clubes devem manter o rígido cumprimento do Guia Médico para retorno das atividades do futebol brasileiro e da Diretriz Operacional de cada competição, mantendo estrito controle de testagem e avaliação médica permanente".

O que não tira a obrigação do Botafogo de ter que seguir os procedimentos listados no protocolo (fazer o exame 72 horas antes da partida e entregar os resultados 24 horas antes do jogo).

Segundo a informação do Thiago Veras, Kalou chegará ao Brasil e realizará o teste PCR (cotonete), que tem um resultado teoricamente rápido. Esse exame de última hora não faz parte do protocolo. Será uma medida tomada pelo Botafogo para proteger a opção de relacionar Kalou.

O Ministério da Saúde RECOMENDA, não obriga, que qualquer viajante que retorne ao Brasil fique de quarentena por, pelo menos, 7 dias, mesmo não tendo sintomas do Coronavírus.

O ponto é: dentro do protocolo divulgado e também no Guia Médico da CBF, NÃO HÁ qualquer regra de confinamento obrigatório. No fim das contas, ao meu ver, o Botafogo não estará ferindo o protocolo se tiver feito o exame de Kalou na sexta e entregar à CBF até 20h30 deste sábado.

No fim das contas, a questão se resume ao bom senso. O jogador viajou para outro país, esteve num evento com outras pessoas, passou por aeroportos e o Botafogo vai utilizá-lo caso o exame PCR que vai ser realizado amanhã não tiver um resultado positivo.

E claro, decreta que o protocolo é falho e ruim, já que não há nenhum ponto específico que obriga jogadores, que chegaram do exterior, a ficarem isolados. Sem contar que o Guia Médico é SUGESTIVO, ou seja, segue quem quer, o que dá margem para que coisas como essa aconteçam.

PROTOCOLO DA CBF:

0 komentar:

Postar um comentário

Assine nosso canal - Youtube

#VemComNós

Os maiores campeonatos do planeta você ouve aqui!

Parceiros

Resenha Esportiva